Num triângulo de Ilhas, uma lenda de Açores. De rosto humano!

Imagem
Dou comigo a recordar aquele mestre do Terra Alta que - numa travessia das Velas para São Roque, já lá vão mais de 25 anos - me contava do Sr. Quaresma, de braço no ar, em cima do velho cais da Madalena.
Em dias de temporal, contando as ondas... para marcar o momento seguro de entrada do barco.

Clique para se deslumbrar! ►

Naquele triângulo de ilhas, o barco era tudo: Viu nascer as crianças (mais impacientes!) que não aguardaram até ao hospital da ilha em frente... foi viatura de funeral ou ambulância.
Muitas histórias de amor se teceram à distância, vertidas nas cartas confiadas a João Quaresma para que as encaminhasse para os amores ausentes.
Ou os açafates da comida e as encomendas que os pais mandavam para os miúdos da Ilha Montanha que tinham ido estudar para a Horta. Do lado de lá. o Gilberto das Lanchas, com a sua carrocinha, havia de tratar das entregas em mão.

Não havia lancha que arriscasse demandar o porto da Madalena sem ordem de João Quaresma. Todos os dias em cima do cai…

Porto Santo? Deixem passar o Verão!

Lá para Setembro é uma boa altura para ir conhecer Porto Santo.
Por agora é a enchente madeirense. Até finais de Agosto.
Mas, piores do que as multidões, são os automóveis que invadem aquela ilha da Região Autónoma da Madeira quando o Verão chega.

Apaixonado desde há bastantes anos por Porto Santo, frequentador das delícias da Praia Dourada, fui-me desiludindo com o avanço do cimento armado – que quase nenhum valor acrescentado trouxe à ilha, para além das taxas imobiliárias que a invasão de vivendas e casas de férias significou.


O que deveria ter sido um destino de lazer privilegiado, paradisíaco e lucrativo, é um imenso vazio na época baixa e um formigueiro impossível em Julho e Agosto. Quase colónia de férias da ilha vizinha, invadida pelos milhares de automóveis que o Lobo Marinho despeja em vagas sucessivas naqueles meses. São os tempos do frenesim da animação que afastam qualquer outro tipo de cliente mais exigente e com maior capacidade financeira.
Os resultados estão bem à vista… e foram sacrificando alguns dos santuários gastronómicos. Eu bem procurei pelo Estrela do Norte - porto seguro anos a fio… fechou portas! Como o Retiro dos Caçadores e mais um outro que era também local de peregrinação obrigatória.

Fica um conselho a quem quer ir conhecer Porto Santo: esperem por Setembro, quando estancam os ventos e a invasão dos automóveis.

  • E quedo-me a reflectir sobre a atrocidade das posturas populistas e eleiçoeiras em áreas que deveriam ser de rigor e cuidado de planeamento e de busca sustentada de crescimento e desenvolvimento.
    Quer em termos de vivência dos locais quer enquanto estratégia turística.
  • E, lá para Setembro, parta então à descoberta das maravilhas do Porto Santo!
Algumas pode espreitar aqui. Clique para ampliar!
 
https://www.facebook.com/photo.php?fbid=1122617157766052&set=o.124331758934&type=3&theater https://www.facebook.com/photo.php?fbid=1143725115655256&set=o.124331758934&type=3&theater https://www.facebook.com/franciscocorreiaphotos/photos/o.124331758934/264321000421657/?type=3&theater https://www.facebook.com/photo.php?fbid=1038552372839198&set=o.124331758934&type=3&theater https://www.facebook.com/photo.php?fbid=1021764391184663&set=o.124331758934&type=3&theater https://www.facebook.com/photo.php?fbid=916423985052038&set=o.124331758934&type=3&theater https://www.facebook.com/photo.php?fbid=10207594602087720&set=o.124331758934&type=3&theater https://www.facebook.com/photo.php?fbid=10202636325981696&set=o.124331758934&type=3&theater https://www.facebook.com/photo.php?fbid=1044166785615032&set=o.124331758934&type=3&theater https://www.facebook.com/photo.php?fbid=686611634709967&set=o.124331758934&type=3&theater https://www.facebook.com/TozeFonsecaPhotography/photos/o.124331758934/883616215047335/?type=3&theater


Primeiro quiseram um ferry que transportasse automóveis entre a Madeira e o Porto Santo. E o Lobo Marinho passou a despejar uns 150, viagem após viagem, em Julho e Agosto. Nem cuidaram de saber o Porto Santo tinha estrada que chegasse e espaço para albergar tanta carripana.
Depois vieram com a história de uma taxa sobre os automóveis que entram na ilha no período de Verão. O presidente da Câmara local defendeu-a como medida de proteção ambiental numa pequena insula em que o número de pessoas e carros quintuplica nos meses de Verão.
Vá-se lá entender esta gente...!
Claro que o Porto Santo precisava de um barco que assegurasse as ligações com a Madeira. Como precisa do turismo para fixar população e combater a desertificação. Não necessitava é que... ele tivesse aquela capacidade de despejar automóveis na ilha e transformar o Verão num inferno.








Muita gente está a ler também:

"Carolina": O dueto magistral de Carminho com Chico Buarque

"Amar pelos dois" - Canção portuguesa está a ser falada lá fora!

Quem se terá lembrado de pôr um funil dentro de uma lagoa?